RSS
email

Adão e Eva




Se Adão e Eva existiram:

1 - Houve evolução

2 - Eva era às manchinhas pretas, amarelas, vermelhas, brancas...

De certo teve de haver uma evolução, caso contrário como explicar as "raças"?

Bookmark and Share

10 comentários:

Natenine disse...

As raças surgiram a partir do mesmo momento em que surgiram as varias línguas, no acontecimento da torre de babel.

Dário Cardina Codinha disse...

as raças surgiram, como por magia, nessa altura? Isso não quebra as leis da física e biologia? Como é que isso aconteceu?

Bruno disse...

Afff é tão óbvio! quando uma espécie sai de seu habitat natural e vai viver em outro sua descendência tende a se adaptar ao ambiente, forma de vida, tipo de alimentação etc é assim também com o homem. creio que as raças começaram a partir do momento em que o homem de espalhou pelo planeta, por exemplo: na áfrica o calor é muito forte fazendo com que a pele da população que vive nesse ecossistema fique mais escura porque a cor escura não só por causa do sol mais também porque seve também como camuflagem na hora da caça, já nos países mais frio, de preferencia onde neva, a população desse ecossistema tem a pele bem mais clara por causa do ambiente mais clara loco também serve para camuflagem. Mais essa coisa de camuflagem só serviram para as primeiras civilizações que viviam da caça.

Bruno. Engenheiro Ambiental

Phill Davi disse...

Não quero ser incoveniente, mas o nome Adão na bíblia quer dizer "feito do barro", "barro amarrozado"... ou seja, Adão e Eva, provavelmente não seriam brancos, nem negros, mas sim pardos, como sugerem os cientistas sobre Jesus e etc.
Assim, pela genética, daria para se provar que a humanidade de veio de 2 pessoas, pardas, que possivelmente se chamavam Adão e Eva.
Para quem não lembra:
Brancos, m m
Negros, M M
Pardos, M m (dá pra entender q pardo é a mistura de pessoas negras e brancas, ao estilo do mestiço ou mulato, que não tem a pele nem escura d mais nem clara de mais).

Enfim:
Adão, M m | Eva, M m

A mistura dos dois:

M M, M m, M m, m m.

Por isso que a maioria dos habitantes da terra são pardos, ou mestiços, mulatos, enfim!

Sam disse...

Considero...

1- A micro-evolução e a adaptação ao meio, não faz com que deixe de ser humano. Como hoje em dia já há humanos sem o dente dociso, porque já não é preciso.

2 - Contudo, não acho que esse seja das "complicações" mais importantes do criacionismo, porque se nós acreditamos que Deus criou tudo em seis dias, porque está escrito; porque não acreditar que a partir dos filhos de Noé, nasceram as três raças mais importantes, segundo o significado dos seus nomes?

Dário Cardina Codinha disse...

Phill Davi,

Não é bem assim. A cor da pele humana é determinada por uma herança quantitativa genética, caracterizada por dois pares de alelos localizados em cromossomas não homólogos.

Há, assim 9 casos possíveis;

AA BB
AA Bb
Aa BB
AA bb
aa BB
Aa Bb
Aa bb
aa Bb
aa bb

Adriano Crivelli disse...

As raças surgiram a partir da manipulação genética feita pelos Annunakis. Adão e Eva foram os primeiros seres hibridos existêntes na Terra, resultado do cruzamento dos genes dos seres que habitavam a Terra a milhões de anos com os homo-sapiens que coabitavam o mesmo planeta.
Após o surgimento dos hibridos mais perfeitos que a genética pode obter ou seja, Adão e Eva, surgiram seus descendentes, que por sua vez geraram mais descendentes e se espalhara por diversas partes do globo.
A partir do surgimento da lingua -os idiomas - e a vivencia em diversos habitates, com o tempo as diferenças se acentuaram devido a exposição e adaptaçã a meio em que viviam.
Após a engenharia genética cruzar os genes de 22 raças alienígenas diferentes com os nosso antepassados, eis que nós surgimos, mais perfeitos biológicamente mas não mais espertos que nosso irmãos peludos.

Dário Cardina Codinha disse...

Acrivelli,

Vejamos:

1- "As raças surgiram a partir da manipulação genética feita pelos Annunakis."

Onde estão eles? Não há evidências


2- "Adão e Eva foram os primeiros seres hibridos existêntes na Terra, resultado do cruzamento dos genes dos seres que habitavam a Terra a milhões de anos com os homo-sapiens que coabitavam o mesmo planeta."

Como me provas que são híbridos? Quais são os métodos experimentais que te levam a afirmar isso?


3- "Após o surgimento dos hibridos mais perfeitos que a genética pode obter ou seja, Adão e Eva, surgiram seus descendentes, que por sua vez geraram mais descendentes e se espalhara por diversas partes do globo."

Como sabes que esses híbridos são os mais perfeitos? O que sabes de genética?


4- "Após a engenharia genética cruzar os genes de 22 raças alienígenas diferentes com os nosso antepassados, eis que nós surgimos, mais perfeitos biológicamente mas não mais espertos que nosso irmãos peludos."

Onde é que raio leste que existem 22 raças alienígenas e que houve cruzamentos genéticos entre elas e os nossos antepassados? Mais uma vez, mostrame um procedimento experimental que o confirme.

O que acabas de escrever não tem fundamento científico. É daquelas coisas que se dizem para quem quiser acreditar. Ou em que há milhentas estórias. Posso colocar aqui 10 inventadas neste momento mas, como não têm fundamento, ninguém, espero eu, acreditará.

Já agora, há uma teoria sobre o Universo que diz que o nosso planeta está sobre a carapaça de uma tartaruga. Conheces?

Adriano Crivelli disse...

Dário, bom, vamos lá amigo.
Deixa eu te explicar uma coisa que eu acredito que você ainda não tenha percebido.Acho eu.
*
Estamos em lados opostos da realidade, você acredita em tudo que a ''ciência'' diz, cegamente, já eu...,acredito que já deu para perceber que, não sou muito fã de tubos de ensaio, pelo menos não tanto quanto você.
Claro que reconheço seu direito de escrever o que bem entender a respeito daquilo que quizer,inclusive, ''rebater'' aquilo que eu acredito e escrevo.
Acredito, logo escrevo. Tenho que ser coerênte comigo mesmo.
Eu respeito isso verdadeiramente.
A liberdade de expressão é um dos princípios fundamentais do meu blog. Acredito realmente nisso. Não importa o quanto as opiniões alheias me pareçam absurdas ou sem fundamentos.
Vamos as nossas crenças.
Crenças??? Eu???? Você deve estar se perguntando.
-Mas não sou crédulo,isso é ciência! Afirma você.
Claro que estamos falando de ''crenças'', na minha e na sua, sim claro, por que aquilo que você acredita não deixa de ser uma crença.
Essa é a definição de crença! Acreditar em algo.
Você pode até me dizer:
-Mas minha ciência (crença) pode ser provada!
Então eu lhe pergunto:
-Tem certeza?
Então prove-me! (assim como você adora dizer)
Você pode me provar ou apenas replicará aquilo que disseram que foi provado?
Você viu? Participou? Provou?
Acredito com 110% de certeza que nenhuma das alternativas acima.
Entre VOCÊ provar algo, e repetir em palavras (Ctrl+C / Ctrl+V) o que foi supostamente provado POR TERCEIROS, existe uma distância abissal.
Na realidade você não pode provar nada.
Você apenas repassa aquilo que você acredita que foi provado.
Isso para mim não é ciência, é crença.
Ciência para mim, em minha humilde maneira de enxergar as coisas, é o ato de provar, experimentar, demonstrar..., e você não prova nada, nem provou nada em nenhum dos seus posts, apenas repassou aquilo que você acredita ser real.Sua realidade científica é sua crença, mesmo que seja uma réplica.
Sua crença é igual a minha.
Em essência, você faz o mesmo que eu, já
reparou?
Claro que você dirá que não reparou e que não concorda,óbvio, mas é assim mesmo que eu percebo, o que você diz e o que você faz.
Então somos ''farinha do mesmo saco''(no bom sentido da expressão, somos iguais), só fazemos devaneios das mesmas coisas sob pontos de vista bem diferentes.
Por que?
Por que você realmente acredita estar certo dentro e sua loucura lógica, e eu em minha.
Um abraço
*
Hááá, esqueci, sou fã do seu blog, suas loucuras para mim fazem sentido.

ACrivelli - A Tribuna disse...

Nesses últimos 2 dias estive lendo diversos posts que você publicou. Tenho que ser sincero, em sua maioria, são muito interessantes, mas o que me chamou a atenção foi o seguinte:
Todos os seus posts são cópias traduzidas (melhores que as minhas traduções by Google, confesso) das matérias originais.
Então eu lhe pergunto:
Onde esta sua opinião ou o que você sabe acerca dessas informações?
Sim, por que até agora só vi Ctrl + C / Ctrl + V.
Pelo que pude perceber, você apenas as copia e assina em baixo como se fossem verdadeiras!
E ainda diz:

-Essa é a verdade verdadeira por que foi provada!!!!

Como você pode afirmar isso com tanta certeza?
Isso me soa um tanto arriscado para não dizer incoerênte, vindo de uma pessoa que prega o seu "conhecimento cietífico" como a "Bíblia" da humanidade.
Onde esta seu conhecimento?
No seu teclado...Ctrl + C?
Você em algum momento já parou para pensar que essas informações que você divulga com tanto entusiasmo podem não conter tanta verdade quanto você acredita que haja?
Essa sua crença cega esta bem pior que a minha.
Eu escrevo muito daquilo que eu acredito, copio tambem, como você o faz, mas minhas idéias estão sempre expostas, por isso sou meio "mau visto" por alguns e até insultado por outros, mas tudo bem, aredito que faz parte.
Percebi tambem que diversos sites como de astronomia, física... fazem sucesso em seu blog. Você é astrônomo? Físico? Químico? Geneticísta? (...)
Então como afirmas tudo isso com tanta propriedade?
Mais Ctrl + C?
Você me perguntou o
que eu entendo de genética.
Agora eu lhe pergunto:
O que você entende desses assuntos todos que pipocam em seu blog como se você fosse um PhD em todos eles?
Você mesmo afirmou:
Ciência é comprovação.
Então onde estão suas comprovações?
Mas veja bem, eu estou falando de SUAS comprovações científicas, não as de terceiros.
Quando VOCÊ comprovar algo, sinta-se à vontade em querer me converter para sua verdade, pois só assim você poderá me afirmar com 100% de certeza que é real, é verdadeiro, pois foi você quem provou. Mas enquanto isso, a "verdade" alheia não serve, pelo menos para mim, como comprovação científica de fato.
Teorizar sobre conhecimento alheio é fácil, eu tambem o faço, e segundo você, o que eu sei sobre eles não é mesmo? Sob moldes prontos então, nem se fala!
Veja bem Dário, isso tudo que eu escrevi nos dois últimos comentários, não são críticas destrutivas envenadas, mesmo que possam parecer.
O que eu quiz foi lhe mostrar que compartilho do seu ponto de vista, só que, da mesma forma que você as utiliza "contra" pessoas como eu, eu a utilizei "contra" você desta vez.
Questionar sem ensinar é facil não!
Já leu aquela frase que diz assim:

"Sábio não é aquele que tem respostas para tudo, e sim aquele que sabe ensinar"

Então apartir de agora, antes de você dizer:

-Isso não tem fundamento! Cadê as comprovações científicas? Isso não faz o mínimo sentido!....pense melhor, muitas vezes você pode estar desperdiçando uma bela oportunidade de aprender algo de verdade, algo que não foi comprovado em laboratório algum, mas isso não significa que não é correto, ou pelo menos que não indica algo correto ou um sentido correto.
Acredito que podemos aprender e absorver conhecimento das mais variadas fontes, inclusive daquelas aparentemente sem credibilidade alguma, a exemplo daquilo que pessoas como eu escreve.
Eu não faço destinção de conhecimento. Tente ser assim um pouquinho, quem sabe você consegue enxergar coerência naquilo que pessoas como eu escreve, da mesma forma que eu enxergo naquilo que você escreve, mesmo não acreditando em tudo.
Um grande abraço.

19/05/2007

Adão e Eva




Se Adão e Eva existiram:

1 - Houve evolução

2 - Eva era às manchinhas pretas, amarelas, vermelhas, brancas...

De certo teve de haver uma evolução, caso contrário como explicar as "raças"?

10 comentários:

Natenine disse...

As raças surgiram a partir do mesmo momento em que surgiram as varias línguas, no acontecimento da torre de babel.

Dário Cardina Codinha disse...

as raças surgiram, como por magia, nessa altura? Isso não quebra as leis da física e biologia? Como é que isso aconteceu?

Bruno disse...

Afff é tão óbvio! quando uma espécie sai de seu habitat natural e vai viver em outro sua descendência tende a se adaptar ao ambiente, forma de vida, tipo de alimentação etc é assim também com o homem. creio que as raças começaram a partir do momento em que o homem de espalhou pelo planeta, por exemplo: na áfrica o calor é muito forte fazendo com que a pele da população que vive nesse ecossistema fique mais escura porque a cor escura não só por causa do sol mais também porque seve também como camuflagem na hora da caça, já nos países mais frio, de preferencia onde neva, a população desse ecossistema tem a pele bem mais clara por causa do ambiente mais clara loco também serve para camuflagem. Mais essa coisa de camuflagem só serviram para as primeiras civilizações que viviam da caça.

Bruno. Engenheiro Ambiental

Phill Davi disse...

Não quero ser incoveniente, mas o nome Adão na bíblia quer dizer "feito do barro", "barro amarrozado"... ou seja, Adão e Eva, provavelmente não seriam brancos, nem negros, mas sim pardos, como sugerem os cientistas sobre Jesus e etc.
Assim, pela genética, daria para se provar que a humanidade de veio de 2 pessoas, pardas, que possivelmente se chamavam Adão e Eva.
Para quem não lembra:
Brancos, m m
Negros, M M
Pardos, M m (dá pra entender q pardo é a mistura de pessoas negras e brancas, ao estilo do mestiço ou mulato, que não tem a pele nem escura d mais nem clara de mais).

Enfim:
Adão, M m | Eva, M m

A mistura dos dois:

M M, M m, M m, m m.

Por isso que a maioria dos habitantes da terra são pardos, ou mestiços, mulatos, enfim!

Sam disse...

Considero...

1- A micro-evolução e a adaptação ao meio, não faz com que deixe de ser humano. Como hoje em dia já há humanos sem o dente dociso, porque já não é preciso.

2 - Contudo, não acho que esse seja das "complicações" mais importantes do criacionismo, porque se nós acreditamos que Deus criou tudo em seis dias, porque está escrito; porque não acreditar que a partir dos filhos de Noé, nasceram as três raças mais importantes, segundo o significado dos seus nomes?

Dário Cardina Codinha disse...

Phill Davi,

Não é bem assim. A cor da pele humana é determinada por uma herança quantitativa genética, caracterizada por dois pares de alelos localizados em cromossomas não homólogos.

Há, assim 9 casos possíveis;

AA BB
AA Bb
Aa BB
AA bb
aa BB
Aa Bb
Aa bb
aa Bb
aa bb

Adriano Crivelli disse...

As raças surgiram a partir da manipulação genética feita pelos Annunakis. Adão e Eva foram os primeiros seres hibridos existêntes na Terra, resultado do cruzamento dos genes dos seres que habitavam a Terra a milhões de anos com os homo-sapiens que coabitavam o mesmo planeta.
Após o surgimento dos hibridos mais perfeitos que a genética pode obter ou seja, Adão e Eva, surgiram seus descendentes, que por sua vez geraram mais descendentes e se espalhara por diversas partes do globo.
A partir do surgimento da lingua -os idiomas - e a vivencia em diversos habitates, com o tempo as diferenças se acentuaram devido a exposição e adaptaçã a meio em que viviam.
Após a engenharia genética cruzar os genes de 22 raças alienígenas diferentes com os nosso antepassados, eis que nós surgimos, mais perfeitos biológicamente mas não mais espertos que nosso irmãos peludos.

Dário Cardina Codinha disse...

Acrivelli,

Vejamos:

1- "As raças surgiram a partir da manipulação genética feita pelos Annunakis."

Onde estão eles? Não há evidências


2- "Adão e Eva foram os primeiros seres hibridos existêntes na Terra, resultado do cruzamento dos genes dos seres que habitavam a Terra a milhões de anos com os homo-sapiens que coabitavam o mesmo planeta."

Como me provas que são híbridos? Quais são os métodos experimentais que te levam a afirmar isso?


3- "Após o surgimento dos hibridos mais perfeitos que a genética pode obter ou seja, Adão e Eva, surgiram seus descendentes, que por sua vez geraram mais descendentes e se espalhara por diversas partes do globo."

Como sabes que esses híbridos são os mais perfeitos? O que sabes de genética?


4- "Após a engenharia genética cruzar os genes de 22 raças alienígenas diferentes com os nosso antepassados, eis que nós surgimos, mais perfeitos biológicamente mas não mais espertos que nosso irmãos peludos."

Onde é que raio leste que existem 22 raças alienígenas e que houve cruzamentos genéticos entre elas e os nossos antepassados? Mais uma vez, mostrame um procedimento experimental que o confirme.

O que acabas de escrever não tem fundamento científico. É daquelas coisas que se dizem para quem quiser acreditar. Ou em que há milhentas estórias. Posso colocar aqui 10 inventadas neste momento mas, como não têm fundamento, ninguém, espero eu, acreditará.

Já agora, há uma teoria sobre o Universo que diz que o nosso planeta está sobre a carapaça de uma tartaruga. Conheces?

Adriano Crivelli disse...

Dário, bom, vamos lá amigo.
Deixa eu te explicar uma coisa que eu acredito que você ainda não tenha percebido.Acho eu.
*
Estamos em lados opostos da realidade, você acredita em tudo que a ''ciência'' diz, cegamente, já eu...,acredito que já deu para perceber que, não sou muito fã de tubos de ensaio, pelo menos não tanto quanto você.
Claro que reconheço seu direito de escrever o que bem entender a respeito daquilo que quizer,inclusive, ''rebater'' aquilo que eu acredito e escrevo.
Acredito, logo escrevo. Tenho que ser coerênte comigo mesmo.
Eu respeito isso verdadeiramente.
A liberdade de expressão é um dos princípios fundamentais do meu blog. Acredito realmente nisso. Não importa o quanto as opiniões alheias me pareçam absurdas ou sem fundamentos.
Vamos as nossas crenças.
Crenças??? Eu???? Você deve estar se perguntando.
-Mas não sou crédulo,isso é ciência! Afirma você.
Claro que estamos falando de ''crenças'', na minha e na sua, sim claro, por que aquilo que você acredita não deixa de ser uma crença.
Essa é a definição de crença! Acreditar em algo.
Você pode até me dizer:
-Mas minha ciência (crença) pode ser provada!
Então eu lhe pergunto:
-Tem certeza?
Então prove-me! (assim como você adora dizer)
Você pode me provar ou apenas replicará aquilo que disseram que foi provado?
Você viu? Participou? Provou?
Acredito com 110% de certeza que nenhuma das alternativas acima.
Entre VOCÊ provar algo, e repetir em palavras (Ctrl+C / Ctrl+V) o que foi supostamente provado POR TERCEIROS, existe uma distância abissal.
Na realidade você não pode provar nada.
Você apenas repassa aquilo que você acredita que foi provado.
Isso para mim não é ciência, é crença.
Ciência para mim, em minha humilde maneira de enxergar as coisas, é o ato de provar, experimentar, demonstrar..., e você não prova nada, nem provou nada em nenhum dos seus posts, apenas repassou aquilo que você acredita ser real.Sua realidade científica é sua crença, mesmo que seja uma réplica.
Sua crença é igual a minha.
Em essência, você faz o mesmo que eu, já
reparou?
Claro que você dirá que não reparou e que não concorda,óbvio, mas é assim mesmo que eu percebo, o que você diz e o que você faz.
Então somos ''farinha do mesmo saco''(no bom sentido da expressão, somos iguais), só fazemos devaneios das mesmas coisas sob pontos de vista bem diferentes.
Por que?
Por que você realmente acredita estar certo dentro e sua loucura lógica, e eu em minha.
Um abraço
*
Hááá, esqueci, sou fã do seu blog, suas loucuras para mim fazem sentido.

ACrivelli - A Tribuna disse...

Nesses últimos 2 dias estive lendo diversos posts que você publicou. Tenho que ser sincero, em sua maioria, são muito interessantes, mas o que me chamou a atenção foi o seguinte:
Todos os seus posts são cópias traduzidas (melhores que as minhas traduções by Google, confesso) das matérias originais.
Então eu lhe pergunto:
Onde esta sua opinião ou o que você sabe acerca dessas informações?
Sim, por que até agora só vi Ctrl + C / Ctrl + V.
Pelo que pude perceber, você apenas as copia e assina em baixo como se fossem verdadeiras!
E ainda diz:

-Essa é a verdade verdadeira por que foi provada!!!!

Como você pode afirmar isso com tanta certeza?
Isso me soa um tanto arriscado para não dizer incoerênte, vindo de uma pessoa que prega o seu "conhecimento cietífico" como a "Bíblia" da humanidade.
Onde esta seu conhecimento?
No seu teclado...Ctrl + C?
Você em algum momento já parou para pensar que essas informações que você divulga com tanto entusiasmo podem não conter tanta verdade quanto você acredita que haja?
Essa sua crença cega esta bem pior que a minha.
Eu escrevo muito daquilo que eu acredito, copio tambem, como você o faz, mas minhas idéias estão sempre expostas, por isso sou meio "mau visto" por alguns e até insultado por outros, mas tudo bem, aredito que faz parte.
Percebi tambem que diversos sites como de astronomia, física... fazem sucesso em seu blog. Você é astrônomo? Físico? Químico? Geneticísta? (...)
Então como afirmas tudo isso com tanta propriedade?
Mais Ctrl + C?
Você me perguntou o
que eu entendo de genética.
Agora eu lhe pergunto:
O que você entende desses assuntos todos que pipocam em seu blog como se você fosse um PhD em todos eles?
Você mesmo afirmou:
Ciência é comprovação.
Então onde estão suas comprovações?
Mas veja bem, eu estou falando de SUAS comprovações científicas, não as de terceiros.
Quando VOCÊ comprovar algo, sinta-se à vontade em querer me converter para sua verdade, pois só assim você poderá me afirmar com 100% de certeza que é real, é verdadeiro, pois foi você quem provou. Mas enquanto isso, a "verdade" alheia não serve, pelo menos para mim, como comprovação científica de fato.
Teorizar sobre conhecimento alheio é fácil, eu tambem o faço, e segundo você, o que eu sei sobre eles não é mesmo? Sob moldes prontos então, nem se fala!
Veja bem Dário, isso tudo que eu escrevi nos dois últimos comentários, não são críticas destrutivas envenadas, mesmo que possam parecer.
O que eu quiz foi lhe mostrar que compartilho do seu ponto de vista, só que, da mesma forma que você as utiliza "contra" pessoas como eu, eu a utilizei "contra" você desta vez.
Questionar sem ensinar é facil não!
Já leu aquela frase que diz assim:

"Sábio não é aquele que tem respostas para tudo, e sim aquele que sabe ensinar"

Então apartir de agora, antes de você dizer:

-Isso não tem fundamento! Cadê as comprovações científicas? Isso não faz o mínimo sentido!....pense melhor, muitas vezes você pode estar desperdiçando uma bela oportunidade de aprender algo de verdade, algo que não foi comprovado em laboratório algum, mas isso não significa que não é correto, ou pelo menos que não indica algo correto ou um sentido correto.
Acredito que podemos aprender e absorver conhecimento das mais variadas fontes, inclusive daquelas aparentemente sem credibilidade alguma, a exemplo daquilo que pessoas como eu escreve.
Eu não faço destinção de conhecimento. Tente ser assim um pouquinho, quem sabe você consegue enxergar coerência naquilo que pessoas como eu escreve, da mesma forma que eu enxergo naquilo que você escreve, mesmo não acreditando em tudo.
Um grande abraço.

Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin